réplicas de relógios

where to go

Japão

por João Freire

Para quem já teve a oportunidade de conhecer o Japão, vai entender exatamente o porque da minha paixão por esse país e pelo seu povo. Acompanhados de um professor da FAAP, fomos em uma “Missão Empresarial” – nome do projeto, visitar empresas de diversos segmentos como mercado financeiro, consultoria, produção, alem de visitar o Embaixador do Brasil em Tóquio. O que me parecia ser uma viagem total business se tornou em uma paixão inexplicável.
Alem de sua beleza exuberante, templos indescritivelmente mágicos, cidades lindas, o Japão me conquistou pelo seu povo. A simplicidade, a determinação e organização justificam a ascensão e o sucesso atingido mundialmente.
Para quem vai pro Japão precisa conhecer as principais cidades como Tóquio, Nara e Quioto.
Tóquio é única pela sua diversidade e beleza. A cidade é extremamente urbana e moderna, mas manteve a tradição de seus ancestrais. Ao mesmo tempo que a cidade habita arranha-céus das mais importantes e modernas empresas, você encontra templos budistas, jardins e altares.
A noite nortuna em Tokyo é incrível maravilhosa, é a cidade que possui o maior numero de restaurantes per capita no mundo, ou seja, tem para todos os gostos e acaba com o mito de que não se come bem no Japão ou que ha variedades.
Alguns dos restaurantes que comemos em Tokyo – alem dos japoneses bem tradicionais como o Takamaura. New York Grill, Kitcho, Hina Sush, Nobu e Gonpachi – recomendo principalmente para os fas de Kill Bill (fomos à noite, mas durante o almoço o restaurante costuma ser mais calmo).
E um dos bares que fomos e voltamos – diversas vezes- foi o 300 bar – localizado em Ginza, bairro mais badalado e agitado em Tokyo.
Ficamos hospedados em Shinjuku, a melhor para se hospedar, você encontra tudo o que precisa, fica no centro da cidade e é super fácil de andar.
Highlights: Tokyo Tower, Estádio Kokugikan – aonde os atletas treinam sumo e artes marciais, o mercado de peixe de Tsjukiji e também o bairro Ueno – os jardins sao maravilhos!!

Nara fica no caminho – uma hora – de Quioto e vale MUITO a pena conhecer. A cidade é pequena mas possui templos MARAVILHOSOS. O templo mais famoso é o Templo Kofuku-jii, fundado em 669 e é símbolo da cidade. A entrada dele é gratuita, mas se quiser conhecer o museu interno é necessário pagar.
O Templo Todai-ji é super conhecido no Japão por abrigar o Grande Buda de Nara, uma estatua imensa de 16m do Buda em bronze, alem de ser no maior prédio de madeira do mundo. A energia é mágica e o salão é deslumbrante.
O Templo Kasuga é famoso pelas 3 mil lanternas que margeiam o caminho até o templo – as laternas sao acesas penas em fevereiro e agosto, infelizmente fui em outubro, deve ser espetacular!
Nara também possui uma área verde imensa! Vale super a pena conhecer o Parque Nara, alem de ser um lindo spot para tirar fotos e relaxar, você pode alimentar os cervos – que ficam soltos pelos parques e estão super acostumados com os turistas.
A culinária e os restaurantes – diferente de Tokyo – sao super tradicionais, recomendo provar novas experiências e vivenciar os milhares de anos de tradição que a cidade possui.

Comentários

Fechar Comentarios

Last Post